• cfasgd
  • TFFT

Notícias

18/12/2017 10:12

Piscicultores e marisqueiras de Maraú recebem filhotes de peixes e EPIs

Os piscicultores, agricultores e marisqueiras da zona rural de Maraú (a 249 km de Salvador) contarão com mais segurança para trabalhar, comida na mesa e oportunidades de renda a partir desta terça-feira, 19. Eles serão beneficiados com a doação de 60 mil alevinos (filhotes de peixes) de tilápia e 19 Equipamentos de Proteção Individual.
A doação será realizada pela Bahia Pesca (empresa vinculada à Secretaria de Agricultura), às 10h, na Praça de Tremembé. Cerca de 120 famílias de piscicultores e agricultores receberão os alevinos. Já os EPIs serão entregues às marisqueiras da península de Maraú. Os beneficiários foram pré-selecionados pela prefeitura municipal.
“Os peixes estarão prontos para a despesca (retirada das aguadas e comercialização ou consumo) em um prazo de seis a oito meses, quando deverão estar pesando, em média, 900 gramas”, afirma o presidente da Bahia Pesca, Dernival Oliveria Júnior. “Trata-se de um significativo aumento de renda para as famílias e uma importante estratégia de aumento da produção de pescado da Bahia”, complementa.
EPI
Cada conjunto de EPI, desenvolvido especialmente para o trabalho de mariscagem, é composto por pares de luvas e botas em neoprene, camisa em dry fit, e calça e boné em tactel com bloqueio de 98% dos raios UVA e UVB.
O conjunto possui fator de proteção ultra-violeta, que protege a pele e não absorve o calor solar, minimizando a incidência de câncer, desidratação e envelhecimento precoce. Além disso, as luvas e botas evitam que as mulheres cortem mãos e pés ao tocar os mariscos ou caminhar nas pedras.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.