• DAP

Notícias

13/03/2017 14:03

Bahia Pesca entregará milhares de filhotes de peixes a povos indígenas

Piscicultores do sul da Bahia serão beneficiados, na próxima terça-feira (14), com a distribuição de 150 mil alevinos (filhotes de peixes) de tilápias. A ação faz parte do programa de peixamento da Bahia Pesca, empresa vinculada à Secretaria de Agricultura. Dentre os beneficiados com a ação estão as comunidades pataxós de Boca da Mata e Meio da Mata, em Porto Seguro, que possuem relação história com a piscicultura e pesca.
Os alevinos serão colocados em aguadas da comunidade, onde serão alimentados para engorda, crescimento e posterior comercialização ou consumo. Além das comunidades pataxós, outras associações de pescadores da região também receberão os peixes. No total, cerca de 150 famílias serão beneficiadas com a ação.
"O objetivo é aumentar a oferta do pescado na região e dar uma nova opção de renda para estas famílias", explica o diretor-presidente da Bahia Pesca, Dernival Oliveira Júnior. “Durante a entrega dos alevinos técnicos da Bahia Pesca orientarão os piscicultores sobre as melhores técnicas para aumentar a produtividade de seus projetos de piscicultura, a exemplo de técnicas de engorda e medição da qualidade da água. Além de doar os alevinos, a Bahia Pesca será responsável também por prestar toda a assistência técnica necessária para o sucesso da ação”, complementa.
Reunião com secretários
Antes da distribuição dos alevinos aos produtores, a equipe da Bahia Pesca se reunirá com oito secretários municipais de agricultura da região para debater as principais dificuldades dos piscicultores e pescadores, apresentar as ações que já estão sendo implementadas pela empresa e traçar um plano estratégico para aumentar a produção de pescado no sul do estado. Participarão do encontro secretários de Porto Seguro, Santa Cruz Cabrália, Belmonte, Itapebi, Itagimirim, Eunápolis, Itabela e Guaratinga.
A reunião com os secretários e a distribuição dos alevinos acontecerão na sede do Inema de Eunápolis (rua Viena, nº 425), a partir das 9h.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.